O que você procura no blog?

Conheça o Packet Pap!

30 janeiro 2016

Chaveiro do Divino

Decidi aprender um "cadim" do artesanato mineiro e fiz algumas pesquisas na internet.
Foram dias vendo muitas imagens, lendo bastante e aí foi colocar a mão na massa.
Aqui em Carrancas, percebo que as pessoas são bastante religiosas. Não só aqui, mas em muitas regiões de Minas Gerais.
Herança de um longo período de colonização europeia.

Então meu primeiro trabalho com inspiração em Minas Gerais, foi nesse tema.




Tinha aqui alguns divinos de biscuit e decidi usá-los.
Como eram pequenos, resolvi fazer chaveiros.

Percebi que o artesanato regional utiliza muitas cores e estampas, então usei o feltro estampado que eu tinha e feltro liso em cores vivas.
Forma básica de círculo.
Recortei o molde... o feltro.. o papelão e a manta R2 para usar no centro do chaveiro.
E... não ficou bom.. Porque o divino não aparecia na estampa..


29 janeiro 2016

Guirlanda de Brinquedo

Encomenda fofa indo para o Espirito Santo, enfeitar o quartinho de um bebê chamado Hugo.


Depois de feita a base, tirei os moldes conforme o desenho enviado pela cliente.
Todos muito fáceis de fazer, basicamente só costurar, encher e colar os detalhes.

Usei botões para dar um tchan e meia pérola 3mm.
As asas do avião fiz sanduiche de feltro e E.V.A.





27 janeiro 2016

Super Heróis

Aproveitando a onda do super homem, resolvi fazer mais alguns super heróis:



Homem Aranha:


Primeiro risquei os moldes no feltro vermelho, já impermeabilizado, como expliquei aqui.
Partindo do centro dos olhos comecei a riscar o rosto, com uma caneta esferográfica preta.



Depois dos riscos principais, fui fazendo os riscos da teia e marquei mais o olho para poder cortar.


21 janeiro 2016

Guirlanda Super Homem

Essa guirlanda fofa é para o irmãozinho do Guilherme Theo.
Você sabia que Kalel é o nome de alienígena do Super Homem?
Logo, o tema não poderia ser diferente.. rs.


Comecei encapando a base de isopor para a guirlanda e a parte de trás.


Tirei o molde do super homem, recortei todas as peças no feltro impermeabilizado, que expliquei aqui e fica muito mais fácil de cortar peças pequenas.
Costurei o corpo, luvas e botas.



Fiz a cabeça, bordei a boca e coloquei os olhos de pérola preta, que explico como fazer aqui.
E costurei o cabelinho.

19 janeiro 2016

Guirlanda Charlie Brown e Snoopy - Arqueiro

Essa guirlanda fofa, foi encomendada por uma pessoa muito especial.
Seu bebê se chamará Guilherme Theo, em homenagem ao lendário arqueiro, que com apenas uma flecha, acertou uma maçã, colocada em cima da cabeça de seu filho. Esse valente se chamava Guilherme Tell.

E a mamãe me pediu para que o enfeite tivesse referências ao fato.
E o desafio foi concluído com sucesso:


Primeiro pesquisei imagens de arqueiro e achei essa no Pinterest:


Os pais aprovaram a imagem e logo tratei de tirar os moldes.
Comecei com o Charlie Brown. Tirei o molde no acetato e depois recortei as peças nas respectivas cores.
Fui montando por cima do desenho e colando com um pouco de cola quente.
Primeiro a parte de trás e depois a da frente.
Comecei bordando o rosto e costurando pela cabeça, trocando de linha quando necessário e enchendo.
Depois de todas as peças costuradas e cheias, colei com cola quente e comecei a fazer o arco.



16 janeiro 2016

Colocando olhos de miçanga e fazendo boca.

Costure e encha a cabeça com plumante. Quanto mais fofinha ficar melhor, pois dará para afundar os olhos, mas não pode ficar muito dura! Dê um nó na ponta da linha e introduza a agulha na parte de trás da cabeça, saindo na parte da frente onde você quer que fique o olhinho.



Coloque a pérola, ou botão na agulha e leve até o final da linha.

 

Introduza a agulha bem do lado de onde ela saiu e puxe.

Volte com a linha no primeiro furinho, ao lado da pérola e puxe.

Passe a agulha por dentro da pérola.


Volte com a agulha do ladinho da pérola e puxe.

Agora você vai decidir como quer o seu olhinho, se só superficialmente, ou afundado no rostinho.

Leve a agulha para a frente do rosto, onde quer que fique o segundo olho e repita o procedimento.



13 janeiro 2016

Impermeabilizando o feltro

Faz um tempinho, vi em um grupo no face uma receita para impermeabilizar o feltro, de maneira que o mesmo, depois de um tempo não faria bolinhas. E essa impermeabilização facilitaria o corte.

Resolvi fazer o teste, já que tinha um pote de termolina em casa.
Mas antes, vamos conhecer a termolina?



A termolina leitosa é um produto pronto, que serve para proteger costuras e bordados, evita desfiamentos, impermeabiliza papel, tecidos e isopor, além de endurecer o crochê. Após a secagem ela apresenta um acabamento incolor.
Ela é solúvel em água, fácil de remover de pinceis e bancada de trabalho e não resiste à muitas lavagens.
Inclusive ela pode ser substituida pela cola branca, pelo que vi na minha pesquisa pela internet.

A receita é a seguinte:
30 ml de termolina
30 ml de álcool (normal, aquele liquido)
300 ml de água

Mistura bem e depois é só aplicar no feltro usando um borrifador.

Essa receita deu bastante.. acho que até demais.
Como não tinha borrifador, coloquei em um potinho de perfume spray vazio, que além de ser prático, ainda deu um cheirinho mais gostoso.

Então você pode diminuir as quantidades:
10 ml de termolina
10 ml de álcool
100 ml de água



Feita a misturinha, lá fui eu testar no feltro. Algumas pessoas utilizam a mistura na peça pronta, para que o aparecimento de bolinhas demore mais para acontecer. Outras usam no feltro antes de fazer a peça, para facilitar no corte.

11 janeiro 2016

Pedras Castroadas

Além do feltro, minha outra paixão é pelo macramê, filtro dos sonhos e afins. Só agora estou tendo tempo para desenvolver peças nessa área.

Aprendi a fazer o castroado, num encontro do Festival do Amor, no parque da Aclimação e me apaixonei pela técnica.

O castroado é uma "redinha", feita de nós, onde você pode colocar várias coisas, como pedras, sementes e até vasos, como vi outro dia no app do Pinterest.




A linha que uso é o cordonê encerado e as pedras algumas eu ganhei da minha mãe, outras eu comprei na 25 de março (numa galeria que fica logo no cruzamento da Ladeira Porto Geral e Rua 25 de março, tem algumas lojas, a partir do segundo andar que vendem pedras roladas) e outras eu pego aqui nas ruas de Carrancas, que tem muito quartzo bruto e também fica bem legal.
Aqui segue um vídeo bem bacana, explicando como fazer o castroado, feito pela Carolina Galavote:



01 janeiro 2016

Safari - Timart

Essa foi uma das primeiras encomendas que fiz há um tempo, na minha volta ao mundo artesanal. 
A mamãe pediu para que eu fizesse o enfeite de porta com os bichinhos da faixa decorativa do quarto. 
E assim eu fiz... Com a imagem que ela me enviou, tirei os moldes à seguir:








Fiz o nome com base de papelão e um pouco de enchimento,  porque estava sem a manta R2 na ocasião. E costurei com feltro marrom claro, pois achei que combinaria bem como o tema.